AFP
AFP

Um dos grandes nomes do jazz, Svend Asmussen morre aos 100 anos

Violinista tocou com nomes como Fats Waller, Edith Piaf, Django Reinhardt, Benny Goodman, Lionel Hampton, Toots Thielemans

AFP

08 de fevereiro de 2017 | 09h27

O violinista dinamarquês Svend Asmussen, monstro do jazz que tocou junto a estrelas como Josephine Baker, Duke Ellingtone e Stéphane Grappelli, morreu nesta terça-feira, 7, a poucos dias de completar seu 101º aniversário, anunciou sua família ao jornal Politiken.

Nascido em 28 de fevereiro de 1916 em Copenhague, filho de pais de origem alemã, começou a tocar em público aos 17 anos e sua carreira durou até o final dos anos 1980.

Asmussen gravou e tocou junto a Fats Waller, os Mills Brothers, Benny Goodman, Edith Piaf, Django Reinhardt, Lionel Hampton e Toots Thielemans.

Foi, além disso, ator e pintor.

"Sempre me acusaram de ser camaleão", afirmou, no ano passado, em uma entrevista a um jornal dinamarquês.

"Tenho que confessar que estou de acordo. Sempre me meti em um monte de projetos diferentes".

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.