U2 assina contrato de 12 anos com a Live Nation

Segundo o jornal 'El País', acordo é firmado 5 meses após companhia anunciar sociedade com Madonna

da Redação,

31 de março de 2008 | 14h33

A companhia Live Nation firmou um contrato global de 12 anos para administrar os artigos promocionais, os tours, os direitos digitais e a marca da banda irlandesa U2, segundo o jornal espanhol El País. O acordo com um dos maiores grupos de rock do mundo ocorre somente cinco meses depois da empresa anunciar uma sociedade integral com Madonna, que inclui seus cobiçados direitos de gravação.  A Live Nation declarou que o U2 continuará sua relação de gravação e publicidade com a gravadora Universal, uma unidade da gigantes das mídias francesa, Vivendi. "Não é uma situação de vida ou morte que tenhamos que estar envolvidos nas gravações", disse o presidente da Live Nation, Michael Cohl, em uma entrevista à Reuters. "Nós preferiríamos, mas nem sempre é possível." Até o momento, a Live Nation não revelou os termos financeiros do acordo com o U2. Se estimava que o contrato de Madonna, que incluía os direitos de gravação, valia US$ 120 milhões (R$ 240 milhões) durante dez anos, incluindo um compromisso de três álbuns depois que a artista gravou seu último disco com a atual gravadora, Warner.

Tudo o que sabemos sobre:
U2Live NationMadonna

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.