Turnê mundial do Duran Duran começa desajeitada na Nova Zelândia

A turnê mundial da banda popbritânica Duran Duran começou desajeitada na Nova Zelândia, naquarta-feira, quando o vocalista Simon Le Bon esqueceu a letrade uma canção e o baixista John Taylor saiu do palcoenfurecido, segundo relato publicado em um jornal. "Duran Duran, errando tudo com estilo", disse Le Bon, 49anos, à multidão reunida na Vector Arena na cidade de Auckland,no norte do país, segundo a resenha publicada no dia seguintepelo New Zealand Herald. Taylor, 47 anos, abandonou seu instrumento e o palco,aparentemente enfurecido com um trecho do show em que osmembros do grupo vestiram ternos de cetim iguais e fones deouvido para tocar uma fusão de canções no teclado e numabateria eletrônica. "Eu não conseguiria dançar com isso. Estas pessoas vieramaqui para dançar", disse Taylor depois de retornar ao palco,segundo o Herald. Ainda segundo o jornal, Le Bon esqueceu a letra de um dosmaiores sucessos da banda, "Hungry Like a Wolf". Mesmo assim, disse o jornal, o público -- composto emgrande parte por mulheres na casa dos 30 anos -- não pareceu seincomodar com os tropeços. A banda, que inclui também o tecladista Nick Rhodes, 45anos, e o baterista Roger Taylor, 47, viaja em seguida àAustrália, onde fará sete shows, começando na sexta-feira emSydney. Depois do fim do trecho asiático da turnê, o Duran Durancomeçará uma turnê norte-americana em Vancouver, em 29 deabril. Formada há 30 anos, a banda está promovendo seu álbum maisrecente, "Red Carpet Massacre", que foi um fracasso de vendasnos EUA e na Grã-Bretanha no ano passado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.