Tribalistas são vaiados após apresentação rápida em Salvador

Após cantarem duas músicas, trio encerrou a apresentação; público de 3.300 pessoas esperava mais músicas

Lauro Lisboa Garcia, do Estado de S. Paulo,

21 de janeiro de 2008 | 17h32

Após cantarem duas músicas, os Tribalistas encerraram a aguardada reunião do trio nos palcos, no último sábado, 19, durante o Sarau Du Brown, em Salvador. Convidados de Brown, Marisa Monte e Arnaldo Antunes deixaram o palco sob fortes vaias do público, de mais de 3.300 pessoas, que esperava que o trio cantasse mais músicas.   Depois da execução de Velha Infância e Já Sei Namorar, hits do verão de 2002/2003, Marisa ainda puxou o coro na introdução de Amor, I Love You para deixar a platéia cantando o resto. O público não recebeu bem a atitude da cantora. "Essa aí fica aí posando de diva, mas devia respeitar mais os fãs", reclamava uma turista paulistana. "Eles podiam ter feito umas cinco músicas, chamavam Margareth Menezes para cantar Passe em Casa e sairiam do palco na glória", sugeriu outro fã.   Foi a primeira apresentação do trio nos palcos brasileiros - antes, o músicos só haviam se apresentado juntos em Paris, em 2003. Em Salvador, Brown já tinha anunciado que não se tratava do tão esperado show dos Tribalistas, mas uma participação dos dois parceiros em seu sarau.   Parte do público se retirou na seqüência de Marisa e Arnaldo. A idéia de realizar o projeto não foi planejada, surgiu da afinidade musical e da grande amizade dos músicos, que Brown salientou ao se despedir dos colegas no palco. Coincidentemente, Marisa estava em férias quando o álbum Tribalistas ganhou forma. Agora ela está de novo, revelou Brown.

Tudo o que sabemos sobre:
tribalistas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.