Divulgação
Divulgação

Três músicas para comemorar os 50 anos da baiana Daniela Mercury

Para celebrar a data, a cantora, que já foi chamada de 'Madonna brasileira', lança disco; confira vídeos

O Estado de S. Paulo

28 Julho 2015 | 14h47

Cantora, compositora, dançarina, produtora, a baiana Daniela Mercury faz 50 anos nesta terça, dia 28 de julho. E para celebrar a data, ela lança disco em que mostra o axé em voz e violão. Músicas de Fagner, Gilberto Gil e Luiz Gonzaga fazem parte do álbum.

Segundo levantamento do Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad) feito especialmente para o aniversário, Trio Metal, O Canto da Cidade, Oyá por Nós, Quero a Felicidade e Andarilho Encantado são as cinco canções de autoria de Daniela Mercury, em parceria com outros compositores, que mais foram tocadas entre janeiro de 2010 e junho de 2015 em rádios, shows, casas de diversão, casas de festas e música ao vivo. 

Eleita pelo canal de TV CBS, em 2011, como a “Carmem Miranda dos novos tempos”, Daniela ganhou prêmios como o Grammy Latino, pelo disco Balé Mulato, o TIM de Música, o APCA, o Multishow, dois VMB e entre seus sucessos estão O Canto da Cidade, Você Não Entende Nada, Swing da Cor, Mutante, Levada Brasileira, Olha o Gandhi Aí.

Em 2009, quando a cantora lançou o álbum Canibália, a escritora norte-americana Camille Paglia disse que Daniela Mercury era a artista que Madonna gostaria de ser. Quatro anos depois, o nome da diva do pop voltou a ser associado ao da cantora baiana no programa Leading Women, da CNN Internacional, quando Daniela foi anunciada pela emissora como a “Madonna brasileira”. 

No sábado, dia 25, Daniela postou no seu Facebook: “Estou assim de tanta felicidade com o show A Voz e O Violão que vou estrear sexta (31), em São Paulo. Acho que não podia ter jeito mais feliz de comemorar meus 50 anos. É realmente uma apresentação especial, que vai mexer ainda mais com minhas emoções. Meus fãs amados, quero ver o rosto de cada um que fez parte da minha história nessas plateias. Obrigada pelo carinho de sempre!!!”.

 


Mais conteúdo sobre:
músicaDaniela Mercury

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.