Amy Harris/Invision/AP
Amy Harris/Invision/AP

Travis Scott diz estar 'devastado' após show resultar em mortes

Apresentação do rapper no festival Astroworld terminou com ao menos oito óbitos por tumultos

Redação, O Estado de S.Paulo

06 de novembro de 2021 | 15h02

Travis Scott se pronunciou sobre o desastre ocorrido durante seu show no festival Astroworld na noite de sexta, 6. Em tuíte publicado na tarde deste sábado, 7, ele publicou um comunicado em que se diz "devastado" pelo ocorrido e agradece ao trabalho de policiais e bombeiros durante o tumulto, que resultou em ao menos oito mortos.

Além de pessoas que caíram no chão durante a correria da entrada no local, uma multidão na plateia começou a se apertar em direção ao palco durante a apresentação do cantor na cidade de Houston. Ao menos oito pessoas morreram e 17 foram levadas para hospitais, sendo que 11 delas sofreram paradas cardíacas. O número exato de feridos não foi divulgado, mas ao longo do dia mais de 300 pessoas se machucaram, incluindo ferimentos leves. O segundo dia do festival, que ocorreria neste sábado, foi cancelado.

Confira abaixo a tradução da íntegra do comunicado de Travis Scott:

"Estou completamente devastado pelo que aconteceu ontem à noite. Minhas orações vão às famílias e a todos os impactados pelo que aconteceu no Festival Astroworld.

A polícia de Houston tem meu total apoio enquanto continuam a investigar essa trágica perda de vida.

Estou comprometido em colaborar com a comunidade de Houston para apoiar as famílias em necessidade. Obrigado à polícia de Houston, corpo de bombeiros e NRG Park por sua imediata resposta e suporte. 

Amo todos vocês."

Antes de a apresentação ter sido paralisada por completo, o cantor chegou a fazer interrupções pedindo para que a situação fosse normalizada. Diversos fãs registraram momentos tumultuados durante o show e publicaram nas redes sociais. Confira alguns abaixo.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Travis Scottmúsica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.