Titãs devem fazer homenagem a Fromer

Cerca de duzentas pessoas acompanharam o velório do guitarrista Marcelo Fromer, dos Titãs. O corpo do músico chegou ao Cemitério da Paz, no Morumbi, por volta das 9 horas e, desde então, vem aumentando o movimento de fãs, familiares e repórteres. Dois dos três filhos do músico, de 4 e 7 anos, que vivem em Portugal, também estão em São Paulo, mas ainda não sabem da morte do pai.O irmão de Fromer, Tiago, anunciou que não haverá cerimônia religiosa durante o velório mas que, na hora do enterro, os Titãs possivelmente prestarão uma homenagem ao guitarrista. Uma bandeira do São Paulo Futebol Clube e duas rosas vermelhas cobrem o caixão. Há também várias coroas de flores enviadas por amigos, rádios, gravadoras e artistas, como Jorge Ben Jor e os integrantes do Barão Vermelho.TransplanteA cirurgia da professora Maria Estela de Lorena Fernandes, que recebeu o pâncreas e os rins do músico Marcelo Fromer, transcorreu bem e terminou às 10h30. "Os órgãos estão funcionando, o nível de açúcar está normal e ela já está urinando", afirmou o médico Tércio Genzini, que realizou o transplante do pâncreas. Maria Estela vai agora para a UTI do Hospital Beneficência Portuguesa, procedimento de rotina após cirurgias desse tipo. Lá, será feito controle da pressão e da oxigenação sangüíneas, do volume de urina e da taxa de açúcar. Genzini explicou que os próximos dois dias serão os mais críticos, por isso o controle será rigoroso, o que possibilitará intervenção a tempo caso ocorra algum problema. Ele ressaltou que a possibilidade de complicação é pequena. "A expectativa é de que ela fique muito bem e volte a levar uma vida próxima do normal", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.