TIM Festival tem atraso e mudanças na primeira noite do Rio

Apesar do esforço contrário, houve cancelamento de shows na sexta-feira

Nicola Pamplona, do Estadão,

27 Outubro 2007 | 17h07

A solução encontrada pelos organizadores do TIM Festival para decorar a Marina da Glória, com contêineres empilhados formando um semi-círculo, foi perfeita, mas a primeira noite do festival no Rio, nesta sexta-feira, 26, enfrentou grandes percalços. O palco TIM Lab, que apresentou o programa Novas Divas, teve grandes atrasos e mudanças de programação, e o espetáculo Novo Rock BR, que previa apresentações de Vanguart, Del Rey e Montage após o fechamento das tendas, foi cancelado.   O Novas Divas foi encerrado por volta das 5 horas, com show da cantora brasileira radicada em Londres Cibelle, que deveria ser a segunda a se apresentar. O adiantado da hora e a chuva que insiste em cair no Rio desde quarta-feira levaram a organização a decidir pelo cancelamento das bandas de rock nacional, que se apresentariam em um palco a céu aberto, no espaço batizado de TIM Village, àquela hora já praticamente deserto.   Ao contrário do ano passado, quando as grandes tendas brancas que abrigam os palcos estavam à mostra, nesta edição elas foram escondidas atrás de uma parede de contêineres empilhados, bastante coloridos, com alguns telões e apresentações de dançarinas. A solução deu ao TIM Village um ar de cidade cenográfica, como uma versão moderna e iluminada de Rock Ridge, cenário da comédia faroeste Banzé no Oeste, de Mel Brooks.   A tenda destinada às apresentações de jazz estava distante do burburinho, o que, segundo os freqüentadores, conseguiu impedir a interferência sonora, problema recorrente nas edições realizadas no Museu de Arte Moderna. Na entrada da Marina, poucos problemas de trânsito, reforçando a decisão acertada de criar, ainda na edição passada, um sistema de transporte coletivo entre ligando o local e estacionamentos e estações do metrô nas redondezas.   Um dos pontos a se equacionar para edições seguintes foi o excesso de atrações em um mesmo dia, fator que parece ter tido grande influência no mau andamento do programa Novas Divas. A sexta-feira teve artistas de grande apelo, como Björk, Arctic Monkeys e Cat Power, todos com lotação esgotada - apesar de, durante alguns shows, haver espaço de sobra nas tendas - ao contrário do sábado, em que ainda há ingressos para os shows do palco Lab, com shows de Craig Armstrong e cirKus.

Mais conteúdo sobre:
TIM Festival Música

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.