Thibaudet faz recital com obras de Debussy e Schumann

O pianista Jean-Yves Thibaudet jágravou quase todos os principais concertos para seu instrumento,sempre com grandes orquestras e maestros; como acompanhador,deixou registros preciosos da colaboração com cantores comoRenée Fleming, Cecilia Bartoli e Olga Borodina; sozinho ao piano flertou com o jazz, dialogando em dois discos com a obra deDuke Ellington; e seu disco solo mais recente é dedicado aofrancês Erik Satie. Thibaudet poderia escolher qual facetamostrar ao público de São Paulo em sua primeira visita à cidade.Optou por uma seleção de obras de Debussy e Schumann, queinterpreta nesta quarta-feira, na Sala São Paulo, como parte datemporada da Associação para Crianças e Adolescentes com Câncer(TUCCA). Ele abre a apresentação com os "Doze Prelúdios, Livro 2" símbolo do momento em que Debussy se volta à objetividadeneoclássica; depois, Schumann: primeiro, o querido (por públicoe intérpretes) "Arabesco Op. 18" e, em seguida, os "EstudosSinfônicos para Piano Solo Op. 13", conjunto de variações apartir de um tema escrito pelo Barão Von Fricken, pai deErnestine Von Fricken, noiva do compositor. É justo esperar umbelo recital, em especial no que diz respeito a Debussy - orepertório francês é um de seus trunfos. Prova disso é o disco com obras de Satie, lançado pelaDecca/Universal, com quem tem contrato de exclusividade e jálançou mais de 20 álbuns. A idéia original era gravar, aospoucos, toda a obra para piano solo de Satie. Mas o projetoacabou crescendo com a descoberta de novas partituras. Ele conta no encarte do álbum, que, ajudado por Ornella Volta, diretorada Fundação Satie de Paris, conseguiu encontrar uma "quantidadesurpreendente" de novas obras do compositor. "Com todo orespeito que já tinha por Satie, sinceramente não esperavaencontrar coisas tão interessantes. Há páginas que merecem estarentre as suas principais criações." Jean-Yves Thibaudet. Sala São Paulo (1.501 lugares). Praça JúlioPrestes, s/n.º, Luz, (11) 3337-5414, Metrô Luz. Amanhã, 21 h. R$70 a R$ 180

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.