Terry O'Neill/Getty Images
Terry O'Neill/Getty Images

The Who chega ao clube dos 50 com disco de hits

Banda britânica está lançando 'The Who Hits' e vai fazer uma turnê europeia entre 2014 e 2015

EFE

04 de novembro de 2014 | 11h54

MADRI - Na história do rock há muitos grupos e artistas, mas poucos podem se orgulhar de ter atingido meio século na ativa. Um restrito clube britânico que só tinha os Rolling Stones neste mês vai adicionar o The Who, que tem nos planos um novo disco, The Who Hits, e turnês.

O disco repassa, em dois CDs, “a coleção definitiva” das melhores canções da banda desde suas primeiras gravações, como The High Numbers, até a atual Be Lucky, primeira novidade do grupo em oito anos.

A banda britânica, que vendeu cem milhões de discos em sua carreira, anunciou no ano passado sua intenção de se aposentar quando concluir a turnê que começa no dia 30 de novembro deste ano, em Glasgow, Escócia, e termina no dia 18 de dezembro, na The O2 Arena de Londres, na primeira fase. Antes disso, a banda toca em Abu Dhabi, no dia 23 de novembro.

É previsto que em 2015 sejam anunciadas mais datas da turnê europeia, “o princípio de um grande adeus”, segundo Roger Daltrey, vocalista do grupo responsável por canções como My Generation (1965), ao qual ainda pertence Pete Townshend, guitarrista. Os outros membros fundadores da banda foram Keith Moon (1946-1978) e John Entwistle (1944-2002).

The Who, um dos primeiros grupos a lançar no mercado álbuns de ópera rock de grande duração, fez em 2013 diversos shows no Reino Unido e na Irlanda, nos quais interpretou algumas faixas clássicas do álbum Quadrophenia (1973).

A banda também foi um dos protagonistas da cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos de Londres em 2012, intepretando justamente My Generation.

Tudo o que sabemos sobre:
The Who

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.