The Whitest encabeça noite eletrônica no Studio SP

Banda alemã The Whitest Boy Alive vem ao País pela primeira vez e faz uma única apresentação

estadao.com.br,

11 de dezembro de 2009 | 04h00

The Whitest deve mostrar seu trabalho mais recente, ‘Rules’. Foto: Lars Borges/Divulgação

 

SÃO PAULO - Os modernos já tem programa certo para o domingo (13), quando o Studio SP abre, excepcionalmente, as suas portas para ceder seu palco ao rock cheio de movimentos eletrônicos da banda alemã The Whitest Boy Alive.

 

O projeto paralelo de Erlend Oye (vocal e guitarra), do Kings of Convenience, nasceu em 2003, voltado à música eletrônica (tem até DJ). Mas ganhou nuances roqueiras já no primeiro álbum, ‘Dreams’, de 2006, que lista ‘Fireworks’, um dos singles que deve fazer a turma mexer os ombrinhos na pista.

 

Em sua primeira (e única) apresentação no país, eles devem se dedicar, porém, ao trabalho mais recente, ‘Rules’, divulgado este ano. Quem esquenta a noite, às 20h, é a nacional Stop Play Moon, liderada por Geanine Marques, a diva de Alexandre Herchcovitch.

 

Whitest Boy Alive. Studio SP (500 lug.). R. Augusta, 591, Centro, 3129-7040. Dom. (13), 20h. R$ 100 (antecipado)/R$ 200.

Tudo o que sabemos sobre:
The Witest

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.