Gregg DeGuire/Getty Images/AFP
Gregg DeGuire/Getty Images/AFP

Susan Boyle lança 'Ten', álbum que marca 10 anos de carreira

Cantora ficou famosa ao interpretar, há dez anos, a música 'I Dreamed A Dream', do musical 'Os Miseráveis', na televisão britânica

EFE, O Estado de S.Paulo

08 de fevereiro de 2019 | 10h59

A cantora escocesa Susan Boyle lançou nesta quinta-feira, 7, o álbum Ten, com o qual comemora dez anos de uma carreira musical iniciada de forma estrondosa com o sucesso de suas apresentações no programa Britain's Got Talent.

O álbum conta com as suas gravações favoritas, além de quatro novas músicas, que formam o oitavo trabalho de estúdio da cantora, disponível para a venda a partir de sexta-feira.

"Tem as minhas músicas favoritas de todos os anos e espero que o público curta tanto como eu trabalhando nele e escolhendo as canções", afirmou. A cantora acrescentou que gosta de "surpreender", por isso decidiu manter em segredo as quatro novas faixas até que o disco seja comercializado.

"Vivemos em uma época que tem poucas surpresas. Prometo que vocês não vão se decepcionar", comentou a cantora.

Após revelar uma potente voz ao interpretar, há dez anos, I Dreamed A Dream, do musical Os Miseráveis, na televisão britânica, Boyle se tranformou em um fenômeno midiático, vendendo mais de 20 milhões de álbuns no mundo todo e conseguindo duas indicações ao Grammy.

O primeiro álbum de Susan Boyle, I Dreamed a Dream, foi a estreia mais vendida de 2009 nos Estados Unidos e no Reino Unido, o que a impulsionou ao auge.

Em 2010, o irmão contou ao jornal Daily Mail que Boyle sofria os efeitos colaterais do sucesso e necessitava cuidados 24 horas por dia, por se sentir "estressada e sozinha". Três anos depois, a cantora, que tem um quociente de inteligência acima da média, revelou que sofre da síndrome de Asperger. 

Tudo o que sabemos sobre:
Susan BoyleGrammy

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.