Reuters
Reuters

Susan Boyle é 'criação' de produtor das Spice Girls, diz jornal

'New York Post' questiona cantora britânica de 47 anos que atingiu sucesso meteórico em show de talentos

da Redação, com Associated Press, estadao.com.br

21 de abril de 2009 | 10h33

Após o sucesso meteórico, a imprensa começa a questionar Susan Boyle, a britânica que se transformou na sensação do show de talentos inglês Britain's Got Talent. O jornal americano New York Post acusou a cantora de 47 anos de ser uma "criação" de Simon Cowell, o produtor musical que idealizou as Spice Girls, grupo pop feminino de maior sucesso da década de 1990. "Nos últimos cinco dias, Susan Boyle foi convidada para aparecer na Oprah [programa de entrevistas de maior sucesso nos EUA] e noticiada em todo o mundo", lembrou o diário em editorial. "É provável que ela cante para a rainha e assine um contrato com a gravadora de Cowell."

 

Veja também:

video Susan Boyle, no YouTube

 

Na terça, um vídeo com a participação de Susan no programa foi colocado no YouTube e assistido mais de 36 milhões de vezes, um número que cresce mais e mais. Ela foi recebida com descaso com seu jeito desalinhado e quando disse durante sua entrevista diante dos jurados que "nunca tinha sido beijada" e que sua ambição era ser uma cantora profissional.

 

Mas todos se renderam imediatamente assim que ela começou a cantar I Dreamed a Dream do musical Les Miserables, estarrecidos com a beleza da voz de Susan, que impressionou e conquistou milhões de admiradores, e até alguns homens. A cantora, nascida na cidade de Blackburn, no oeste da Escócia, cativou a todos, até mesmo o inabalável jurado Cowell, que disse que ela é uma cantora "extraordinária". Piers Morgan, outro crítico do programa, considerou a performance "estarrecedora" e "a maior surpresa que eu já vi nos últimos três anos."

 

"Foi algo surreal para mim", disse Susan à agência Associated Press na quinta-feira, em Blackburn, a 30 quilômetros de Edimburgo, na Inglaterra. "Vou participar do programa de Oprah Winfrey, na CBS e outras redes de TV norte-americanas", disse. "Não pensei que reação seria tão grande quando subi ao palco", afirmou Susan. "Eu o fiz por minha mãe já morta. Queria mostrar a ela que poderia fazer algo de minha vida."

 

Apostadores britânicos acreditam que Susan é a favorita para vencer a série. O programa, que é similar ao America's Got Talent, transformou em astro seu primeiro vencedor, um desconhecido vendedor de telefones celulares chamado Paul Potts. Ele conquistou o público e os jurados com sua interpretação da ária Nessun Dorma e seu disco se tornou um sucesso mundial desde que ele ganhou a série em 2007.

Tudo o que sabemos sobre:
Susan Boyle

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.