Sting é acusado de plágio em 'Roxanne' e 'Message in a Bottle'

Músico americano diz que suas histórias, contadas ao cantor, se tornaram as famosas músicas do The Police

Ansa,

18 de abril de 2008 | 14h07

O cantor britânico Sting, vocalista da banda inglesa The Police, foi acusado de plagiar idéias de um músico e compositor americano de Nevada para criar algumas das canções mais populares de seu grupo. Roy Smith afirmou ter conhecido Sting nos anos 1970, logo após o músico inglês ter assistido a uma apresentação sua na cidade de Reno.   Veja também: Gravadoras de Londres disputam contrato com filha de Sting Sting toca no Japão    O cantor de Nevada declarou que passou a noite falando com Sting sobre sua vida e lhe contou histórias, como suas experiências com uma prostituta chamada Roxanne e como escrevia mensagens à sua mãe viúva e as deixava em garrafas.Smith afirmou que suas histórias terminaram virando versos de duas das mais populares canções do The Police, Roxanne e Message in a Bottle.   O músico de Nevada entrou em contato com a polícia de Reno e comunicou que Sting havia concordado em lhe pagar pelas canções, no entanto, isto nunca ocorreu. "Devido ao fato de ter passado tanto tempo desde o incidente, não se pode considerar este como um caso criminoso. A suposta vítima deverá empreender o caso como processo civil", ressaltou uma fonte policial. Os advogados de Sting em Londres, porém, negaram todas as acusações.  

Tudo o que sabemos sobre:
StingThe Police

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.