ALEXANDRE BAZZAN/ESTADÃO
ALEXANDRE BAZZAN/ESTADÃO

St. Vincent tira lágrimas dos fãs mais jovens

Plateia presenteou artista com bandeira do Brasil

Alexandre Bazzan, O Estado de S. Paulo

28 Março 2015 | 18h57

Com passinhos de uma gueixa robótica, Annie Clark mostrou entrosamento com a banda desde o começo, e não só nas coreografias.

Ela abusou das distorções e cada vez que solava, desafiava a plateia como Kurt Cobain costumava fazer. Ela já até substituiu ele na cerimônia do Hall da Fama do Rock, em Lithium.

Desta vez ela guardou Birth in Reverse para o fim, antes de finalizar com Your Lips Are Red. Ela foi para a plateia, que a presenteou com uma bandeira do Brasil. Ela deu sua guitarra para a galera, mas depois a produção recuperou o instrumento.

De volta ao palco, ela se atirou ao chão como James Brown. Em vez da tradicional capa de Brown, o roadie colocou uma guitarra no pescoço dela, que levantou e fez o solo derradeiro da última música. 

Mais conteúdo sobre:
Lollapalooza Música

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.