Sónar quer instigar produção nacional com debates, workhops e mostra; veja mais

Sónar quer instigar produção nacional com debates, workhops e mostra; veja mais

Evento dedicado à música e tecnologia terá mostra audiovisual e conferência dedicada à criatividade artístic

Pedro Antunes, O Estado de S. Paulo

20 Outubro 2015 | 07h00

O nome é pomposo, Festival Internacional de Música Avançada e Arte New Media, mas pode chamar de Sónar. O título quilométrico já dá pistas de que a música está lá, mas não é o principal. O Estado teve acesso, na manhã de segunda-feira, 19, e revela, em primeira mão, a programação dos dois braços importantes do evento, criado em Barcelona há 21 anos, distantes das apresentações propriamente ditas: o SónarCinema e Sónar+D. 

O primeiro é, como o nome diz, dedicado à telona. Em uma nova parceria com o festival de documentários musicais In-Edit, assim como na edição de 2012, o SónarCinema, iniciado em 24 de novembro, propõe uma homenagem ao holandês Frank Scheffer, cuja obra cinematográfica investiga a vanguarda da música. Os mais pops retratados por ele são Brian Eno e Frank Zappa. As exibições são gratuitas e realizadas no Museu da Imagem e do Som (MIS). 

+D é fundamental para clarear a ideia de o Sónar como algo além da relação de artista, palco e público. Tratado como uma “conferência voltada à indústria tecnológica, criativa e artística”, o braço leva ao Red Bull Station, espaço reformado no centro de São Paulo, a partir de 25 de novembro, workshops, exposição e debates cujos temas são norteados pela ideia de “remake” (ou “refazer”, em português), e com o conceito de ‘re-imaginar’ a arte, música, desde sua essência, o ponto de partida da criação, até a chegada ao público.

“Pensamos na proposta de apresentarmos um tema amplo. Fazer algo com as próprias mãos”, explicou Alê Youssef, um dos curadores do +D, ao lado de Hermano Vianna e Ronaldo Lemos. “São exemplos para que as pessoas se inspirem.” Três empresas startups terão ambientes permanentes no Station, Reminds, GlobalCode e IoT Surfboard. “Falta espaço disso em São Paulo”, diz Youssef. 

Os filmes listados no SónarCinema:  

Conducting Mahler - Frank Scheffer (75min, Holanda, 1995)

Frank Zappa: A Pioneer of the Future of Music - Frank Scheffer (106min, Holanda, 2007)

How to Get Out of the Cage - Frank Scheffer (56min, Holanda, 2012)

In the Ocean - Frank Scheffer (55min, Holanda, 2001)

Brian Eno: Music for Airports - Frank Scheffer (48min, Holanda, 1999)

Varèse: the One All Alone - Frank Scheffer (90min, Holanda, 2009)

Gozaran – Time Passing - Frank Scheffer (90min, Países Baixos, 2012)

Espaço Markerlab:

 O piso térreo do Red Bull Station será ocupado pelo espaço de imersão na experimentação, com máquinas como impressoras 3D e cortadoras de vinil, e bancadas para experimentação. Ali, ficarão três startups brasileiras GlobalCode, Reminds e WeSense.

Palestras

26/11/2015 - "Novas Cenas Latino-Americanas", com Grant Dull (ZZK Records). Mediador: Amauri Gonzo.

27/11/2015 - "StartUp", com Gabriela Augustini (Olabi Makerspace)

28/11/2015 - "Refazendo a Cidade", com Felipe Morozini (Associação Parque Minhocão)

Debates

25/11/2015 - "Espírito Maker", com Heloísa Neves (Insper) e Manoel Lemos (Fazedores). Mediador: Ronaldo Lemos 

26/11/2015 - "Novos Negócios da Música", com Rodrigo Santis (Quemasucabeza) e Philippe Siegenthaler (Absent

Papa/T310).

27/11/2015 - "Tendências de Produção", com Daniel Limaverde (ex-aluno Red Bull Music Academy) e Manara (Domina)

28/11/2015 - "Produção Musical e Tendências Sonoras", com Plinio Profeta (produtor musical) e Berna Ceppas (Orquestra Imperial). Mediador: Ale Youssef.

SónarClub 

Dia de shows do festival marcado para o dia 28 de novembro, no Espaço das Américas, em São Paulo. Estão escalados os bambambãs The Chemical Brothers e Hot Chip, os emergentes Brodinski, da França, e o inglês Evian Christ, o brasileiro Zopelar, o espanhol Pional e a chilena Valesuchi.  

Mais conteúdo sobre:
sónar música

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.