Só mulheres no palco do Parque Ibirapuera em SP

Só mulheres no palco da Praça da Paz do Parque do Ibirapuera. O Avon Women in Concert - que desde 99 festeja o Dia Internacional da Mulher em São Paulo - apresenta domingo, às 16h, um encontro de cantoras gratuito e inédito. Rita Lee, Zélia Duncan e Paula Lima, acompanhadas pela Orquestra Filarmônica de Mulheres, com regência de Claudia Feres, farão shows-solo e em conjunto. Será a primeira aparição de Rita Lee depois que a roqueira sofreu uma crise de estresse e ficou internada no Hospital Albert Einstein. Sob direção artística do jornalista Nelson Motta, o evento foi dividido em sete partes. A abertura, só com a orquestra, terá ´Cor de Rosa Choque´ e ´Mulher´. Paula Lima entra na seqüência com ´Quero Ver Você no Baile´ e ´Gafieira´, e segue com outras três canções de seu repertório próprio. Zélia Duncan faz com Paula ´Lá Vou Eu´ e fica sozinha para ´Me Revelar´, ´Jura Secreta´, ´Alma´ e ´Catedral´. Então chega Rita Lee para dividir ´Pagu´ com Zélia e, depois, iniciar seu show. Estão previstas músicas de seu novo disco, ´Balacobaco´, como ´Amor e Sexo´. O final terá o trio Rita, Zélia e Paula cantando ´Todas as Mulheres do Mundo´. O Avon Women segue, logo depois, para Campos do Jordão, Ouro Preto, Salvador e Recife. A organização do espetáculo acredita estar mudando o rumo do evento aos poucos. A importância dada à música erudita, ainda que de vertente mais pop, ficou evidente nas edições anteriores, quando vieram nomes como Kiri Te Kanawa, Sarah Brightman e Barbara Hendricks. Eduardo Bruder, relações públicas da empresa, explica em um comunicado que "o projeto de 2004 privilegia ainda mais os talentos nacionais" e faz um paralelo entre as duas áreas de atuação da Avon. "Queremos contribuir ainda mais para a democratização da cultura, assim como já democratiza a beleza", diz Bruder.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.