Skol Beats começa com novidades

Goldie. Hernan Cattaneo.Ashley Casselle. Peter Heller. Fernanda Porto. Começou bem a terceira edição do Skol Beats, o maior festival de música eletrônica do País. Logo de cara, a grande e boa novidade é que as tendas (são quatro) estão mais próximas umas das outras, facilitando as visitas das mais de 40.000 pessoas que deverão passar por aqui até a manhã de domingo. No palco (Outdoor Stage), um pouco mais distante do resto, o destaque inicial foi a cantora Fernanda Porto, famosa pela versão da música Sambassim, de Patife, que uniu dance música, e, claro, o próprio samba. Capítulo à parte, fica a sensação de que Goldie, um dos grandes nomes do drum´n´bass mundial e que já esteve em São Paulo no Free Jazz de 1997, deveria também ter dado uma passadinha pelo palco, depois de realizar uma das apresentações mais disputadas das primeiras horas do Skol Beats.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.