Sistema GPS poderá ter voz de Bob Dylan

Cantor revelou negociações com empresas fabricantes do aparelho

25 de agosto de 2009 | 12h14

O cantor americano Bob Dylan poderá emprestar sua voz a um sistema de navegação por satélite (GPS), juntado-se ao crescente grupo de famosos que auxiliam os motoristas a encontrar o caminho certo quando estão dirigindo, informou a agência de notícias AFP.

 

"Estou negociando com duas companhias automobilísticas para ser a voz do seu sistema de GPS", disse Dylan na última edição do seu programa de rádio noturno, o Theme time Radio Hour, da rede BBC.

 

Dylan brincou e reproduziu como seriam suas instruções aos motoristas. "Vire à esquerda na próxima rua. Não, à direita. Quer Saber? É melhor ir reto mesmo", brincou o cantor, de 68 anos. "Provavelmente não deveria guiar os motoristas, por sempre termina no mesmo lugar, na 'Lonely Avenue' (Avenida Solitária)", completou Dylan referindo-se a uma de suas canções.

 

Se Dylan realmente participar das gravações de um sistema GPS, não será a primeira vez que o cantor, umas das atrações do festival de Woodstock, terá emprestado sua voz para fins publicitários. O cantor já gravou um anúncio para a montadora americana Cadillac e emprestou seu maior sucesso, a canção "Blowin' in the Wind" para um comercial do maior grupo empresarial britânico, o Co-Operative Group.

Tudo o que sabemos sobre:
Bob DylanmúsicaDylanGPScelebridades

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.