Reuters
Reuters

Shakira pede a elite de Davos que eduque e estimule futuros líderes

'Os bebês de hoje irão liderar os negócios de amanhã', disse a cantora em seu discurso

Martinne Geller, Reuters

17 Janeiro 2017 | 10h22

DAVOS - A cantora Shakira pediu a líderes mundiais e grandes empresários na cerimônia de abertura do Fórum Econômico Mundial nesta segunda-feira que apoiem esforços para alimentar, educar e cuidar de crianças subprivilegiadas.

"Os bebês de hoje irão liderar os negócios de amanhã. Sua capacidade para contribuir irá moldar as sociedades de amanhã, irá resolver os problemas de amanhã", disse a cantora colombiana, que também é embaixadora da Unicef dedicada ao desenvolvimento na primeira infância, durante um discurso emocionado.

Shakira, que recebeu um Prêmio de Cristal em Davos por seu trabalho humanitário, é fundadora da Fundação Pies Descalzos, que trabalha para dar a crianças subprivilegiadas da Colômbia acesso a educação de qualidade.

"Nesta sala estão algumas das pessoas mais poderosas do mundo e definitivamente estou convencida que vocês sabem o que significa estar acima da curva", acrescentou.

"Precisamos aplicar o cérebro e as estratégias de negócio e os ativos e recursos humanos e talentos de suas companhias para fazer o bem social e resolver problemas sociais."

O Fórum Econômico Mundial também deu prêmios à violinista Anne-Sophie Mutter, que dirige uma fundação que fornece bolsas para jovens músicos, e ao ator Forest Whitaker, que tem trabalhado como defensor global da paz, focando no empoderamento de jovens como líderes e empreendedores em comunidades abaladas pela violência e pobreza.


 

Mais conteúdo sobre:
ShakiraUnicef

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.