Shakira leva cinco prêmios MTV América Latina

A cantora colombiana Shakira foi a grandevencedora do prêmio MTV Video Music Awards Latinoamérica 2005, comcinco prêmios, incluindo o de "artista do ano", em uma cerimôniaque será transmitida na próxima quinta-feira.A cantora colombiana liderou a lista de premiados, após de tervencido nas categorias de "vídeo do ano" - por La Tortura juntocom o espanhol Alejandro Sanz -, "melhor artista feminina", "melhorartista pop" e "melhor artista zona central".A banda mexicana Reik ficou com a segunda posição em número deprêmios, vencendo nas categorias de "melhor dupla ou grupo","melhor artista - zona México" e "melhor novo artista do México".Após a cerimônia de entrega em Playa del Carmen, na penínsulamexicana de Yucatán, ter sido suspensa por causa da passagem dofuracão Wilma em outubro, a MTV finalmente transmitirá um especialem homenagem aos premiados.Como parte do compromisso da rede com os mais de 4,8 milhões devotos recebidos pela internet, a MTV premiará os vencedores dasestatuetas, que representam línguas, no programa que serátransmitido no próximo dia 22 de dezembro."O show que Wilma fez voar" será uma das partes do programa noqual os artistas darão suas opiniões sobre o furacão. Também serãoexibidas partes dos ensaios de bandas como Good Charlotte,Miranda!, Foo Fighters, Gustavo Cerati e My Chemical Romance. Panda foi o vencedor da categoria "melhor artistaindependente",os argentinos do Miranda! ficaram com o de "melhor artistaalternativo" e "melhor artista zona argentina", e o colombianoJuanes foi o "melhor artista rock" e "melhor artista masculino".O "melhor novo artista argentino" foi Bahiano (ex-vocalista dosPeriquitos), e a "melhor nova artista zona central" foi aColombiana Andrea Echeverri. Os prêmios internacionais foram para o grupo Green Day, queFicou com o prêmio de "melhor artista de rock internacional", GwenStefani como a "melhor artista pop internacional", My Chemical Romance como o "melhor novo artista" e o grupo Black Eyed Peas como o "melhorartista de R&B".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.