Shakira fará show na fronteira do Brasil por reféns das Farc

Cantora dividirá o palco com Carlos Vives e grupos étnicos da região amazônica colombiana

Efe,

15 de julho de 2008 | 18h13

A cantora Shakira cantará neste domingo, 20, na cidade colombiana de Leticia (sul), na fronteira com o Brasil e o Peru, como parte das mobilizações para exigir que as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) libertem todos os reféns em seu poder.   A informação foi confirmada à Agência Efe pelo representante da estrela na Colômbia, Rodrigo Beltrán.   Também estarão em Leticia o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e o chefe de Estado do Peru, Alan García, para acompanhar Uribe no desfile militar do Dia da Independência da Colômbia, realizado no mesmo dia.   Shakira chegará no domingo à fronteira tríplice para participar de um concerto no qual dividirá o palco com Carlos Vives e grupos étnicos da região amazônica colombiana.   "Ela preferiu estar com os colombianos em sua terra e, por isso, chega no domingo a Leticia e no mesmo dia retorna a Londres para continuar com a gravação do novo disco", disse Beltrán em ligação telefônica.   A cantora decidiu suspender momentaneamente a gravação de seu álbum em Londres e atender ao convite do presidente colombiano, Álvaro Uribe, para participar d show, que também será feito em outros municípios colombianos e em algumas cidades européias e americanas.   A manifestação foi convocada pelos reféns resgatados em 2 de julho pelo Exército, entre os quais estão 11 policiais e militares, três americanos e Ingrid Betancourt, que participará da mobilização em Paris, onde haverá uma concentração com outros artistas.

Tudo o que sabemos sobre:
ShakiraFarc

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.