Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
/Mario Anzuoni/REUTERS
/Mario Anzuoni/REUTERS

Shakira é investigada por sonegação fiscal na Espanha

Segundo publicação 'El País', cantora colombiana abriu 14 empresas fantasmas em ilhas de paraísos fiscais e deve ao fisco espanhol cerca de R$ 90 milhões

O Estado de S.Paulo, O Estado de S.Paulo

09 de setembro de 2020 | 17h41

O jornal espanhol El País divulgou nesta quarta-feira (9) que a cantora colombiana Shakira está sendo investigada pelo governo da Espanha. Ela teria sonegado cerca de 90 milhões de reais em impostos e aberto 14 empresas fantasma em paraísos fiscais para ficarem longe das garras do fisco espanhol. 

As empresas, segundo a investigação, não possuem funcionários nem materiais. Suas existências seriam para servir de fachada e esconder a fortuna em lugares como as Ilhas Virgens e Ilhas Caymã. Já havia uma condenação do tipo em 2011, quando Shakira pagou 24 milhões de euros à Espanha depois se ter sido considerada uma sonegadora.

Shakira é considerada a popstar da América do Sul mais bem sucedida em todos os tempos. Seus prêmiois incluem cinco MTV Video Music Awards, três Grammy Award, treze Grammy Latino, sete Billboard Music Awards e 33 Billboard Latin Music Awards. Ela tem uma estrela em seu nome na Calçada da Fama de Hollywood e um número impressionante: mais de 125 milhões de discos e singles em todo o mundo e, até a contagem de 2014, 25,4 milhões de vendas nos Estados Unidos.

Tudo o que sabemos sobre:
Shakirasonegação fiscal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.