Serra garante que São Paulo terá show do Pearl Jam

O prefeito José Serra disse nesta quinta-feira à noite, durante a inauguração do Auditório Ibirapuera, que "os fãs de rock podem ter certeza de que haverá show em São Paulo", ao comentar o impasse criado em torno da utilização ou não do Pacaembu para o concerto da banda norte-americana Pearl Jam, nos dias 2 e 3 de dezembro. Ele alfinetou o promotor dos concertos, o empresário Fernando Altério, que também foi ao auditório. "Se não houver será porque o empresário não quer. Eles ficam querendo jogar a opinião pública contra a gente."O empresário Altério, diretor-presidente no Brasil da empresa CIE (Corporación Latinoamericana de Entretenimiento) mostrou-se surpreso com a fala do prefeito. "Então sou eu que não quer? Agora fiquei contente, porque eu quero muito", afirmou. O problema é que Serra não disse que liberaria o Pacaembu, que vetou para shows de rock após conflituoso show da Radio Mix, no dia 18 de novembro. "Existem alternativas. Se os empresários quiserem, haverá show em São Paulo de maneira muito adequada", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.