Seis novidades da música tiradas do fundo do baú

Seis novidades da música tiradas do fundo do baú

Gravações até então desconhecidas de, Jimi Hendrix, Paul McCartney e Bob Dylan movimentam o mercado fonográfico

O Estado de S. Paulo

05 de novembro de 2014 | 16h29

Cazuza classificaria alguns dos lançamentos da música como um museu de grandes novidades. Artistas revisitaram seus arquivos para mostrar trabalhos antigos, mas que ainda não haviam sido usados comercialmente. Em um cenário carente de novos ídolos, pepitas da velha guarda são recebidas com entusiasmo. Confira:

1. A irmã de Jimi Henrix, Janie, produziu disco duplo com 11 faixas. Alguns solos jamais ouvidos pelo público fazem parte da compilação que chega ao mercado nos EUA no dia 28 de novembro, quando acontece a Black Friday no país. 

 

2. Paul McCartney já havia divulgado uma versão de Beware my Love do Wings com participação de John Bonham, do Led Zeppelin, na bateria. Agora, o ex-Beatle traz Love my Baby, música do mesmo período, mas que ainda não era conhecida pelos fãs.

 

3. Bob Dylan sofreu um grave acidente de moto em 1966. O período de recuperação, entretanto, não impediu que o compositor fizesse novas músicas com sua banda de apoio que mais tarde ficaria famosa, a The Band. O resultado desse período "de molho" foi lançado em 1975 com o nome de Basement Tapes. Agora vem ao mercado box com raridades dessa época, o The Basement Tapes Complete

 

4. Queen apresentou gravação inédita com a voz de Freddie Mercury. Let me in your heart again está na coletânea Queen Forever que deve ter mais material inédito.

 

5. Boy George não vai resgatar composições de seu acervo, mas sim reunir sua antiga banda, Culture Club. O cantor não produzia com o grupo há 15 anos. Ouça More Than Silence.

6. Não chega a ser um lançamento, mas a cantora neo-zelandesa Lorde pode ser ouvida cantando Use Somebody do Kings of Leon. Uma das grandes revelações da música nos últimos tempos, ela tinha apenas 12 anos na época do registro, mas a qualidade vocal já era evidente.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.