Saxofonista Caio Mesquita estréia turnê e grava em SP

Depois de aparecer no Programa RaulGil, o saxofonista Caio Mesquita, de 16 anos, foi responsávelpor uma proeza. Em quatro meses, vendeu mais 250 mil cópias deseu CD de estréia, "Caio Mesquita - Jovem Brazilidade" (LuarMusic/EMI), e levou o disco de platina duplo. Além de emplacaressa vendagem em plena crise do mercado fonográfico, Caiocumpriu a façanha com um CD instrumental. No Brasil, não é algoa ser ignorado. Embalado pelo inesperado sucesso, inclusive para elepróprio, o jovem músico estréia nesta quarta-feira sua turnê noCitibank Hall, em São Paulo. Na ocasião, aproveita para gravar oprimeiro DVD. No repertório, promete repetir as canções de seuCD, como "Sozinho" (Peninha), "Garota de Ipanema" (Tom Jobim eVinicius de Moraes), "Flor de Liz" (Djavan), entre outras.Estará acompanhado de sua banda, composta por guitarra, baixo,piano, bateria, violão e percussão. "Haverá algumas surpresas também", avisa o saxofonista.Antecipa que fará um pot-pourri em homenagem a Jorge Vercilo eoutro só com músicas de Ivan Lins, com direito à participação docantor e compositor carioca, na voz e piano. "Ivan participou deum quadro no Raul Gil e toquei músicas dele. Ele gostou muito etrocamos contato. Depois, o convidamos para participar do show eele aceitou." A bateria mirim da Escola de Samba Camisa Verde e Branco formada por 12 crianças, subirá ao palco ao lado de Caio, paraencerrar o show com "Aquarela do Brasil" e "Canta Brasil". Caio Mesquita. Citibank Hall (1.450 lug.). Avenida Jamaris, 213,(11) 6846-6040. Hoje, 21h30. R$ 60 a R$ 120

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.