Sardinhas´s Club anima o Sesc Vila Mariana

Recém-chegado da Europa e comemorando o Prêmio Tim de Música por seu segundo disco, o grupo Pagode Jazz Sardinha´s Club apresenta-se amanhã e no domingo no Sesc da Vila Mariana, acompanhando os sambistas Nelson Sargento e Roberto Silva. É a estréia paulista dos músicos que fazem uma animada gafieira às sextas-feiras no Rio Scenarium, na Lapa, e, em setembro, vão ser atração das terças no tradicional Cordão do Bola Preta, na Cinelândia, também no centro do Rio. Criado há sete anos para um festival num bar do centro do Rio, que acabou não acontecendo, eles foram tocar em shows e bailes sempre lotados e mudaram o jeito de se ouvir música instrumental. "Tiramos o fraque e o terno do gênero, fazemos as pessoas dançarem e não deixamos que a seriedade tire o prazer da música", conta o bandolinista Rodrigo Lessa, líder do grupo ao lado do saxofonista Eduardo Neves. Seus instrumentistas têm pelo menos duas décadas de carreira acompanhando estrelas da canção nacional. Geralmente, as músicas de seu repertório são compostas por Neves (que toca com Zeca Pagodinho) e Lessa (que é também do grupo de choro Nó em Pingo d´Água) e arranjadas em conjunto com os outros cinco integrantes: Roberto Marques (trombone), Bernardo Bosísio (violão), Edson Menezes (baixo), Marcos Esguleba (percussões) e Xande Figueiredo (bateria). Por isso, o som tem tanta unidade. "Queremos servir à música e não exibir virtuosismo", explica Neves.Embora seus temas sejam sofisticados, com ritmo quebrado e melodias difíceis de memorizar, eles gostam quando as pessoas dançam em seus shows, como diz Lessa. "Para nós, a melhor coisa que acontece quando tocamos é ver as pessoas dançarem e se divertirem conosco." Pagode Jazz Sardinha´s Club - Teatro do Sesc Vila Mariana. Rua Pelotas, 141, Vila Mariana, 5080-3000. Amanhã, 21 horas; domingo, 18 horas. R$ 20

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.