Santana toca para cerca de 15 mil em São Paulo

Como vem fazendo em toda a turnê, Santana abriu a apresentação da noite desta sexta com Jingo, sucesso do início de sua carreira. O grupo entrou no palco pontualmente às 22 horas, quando ainda havia muita gente chegando à Arena Skol do Anhembi. Segundo a produção do show, dos 25 mil ingressos disponíveis, foram vendidos 15 mil até as 22h30, quando ainda havia filas nas bilheterias.Parte do público, de diversas faixas etárias, aprovou o novo lay-out do espaço, embora algumas pessoas reclamassem das cadeiras na pista, já que se tratava de um espetáculo dançante.Com duração prevista de 2h40, o roteiro equilibrou sucessos novos e antigos de Santana, como Samba pa Ti, Corazón Espinado, Evil Ways, Oye Como Va e Smooth. Um dos primeiros grandes momentos do show, foi quando Carlos Santana solou ao violão Concierto de Aranjuez, de Joaquín Rodrigo.O tema serviu de introdução para Maria, Maria, que ele gravou com Wyclef Jean no álbum Supernatural, marco da volta do grupo às paradas em 1999.Num dos vários improvisos que fez à guitarra, Carlos Santana solou trechos de Aquarela do Brasil, de Ary Barroso durante a execução de Foo Foo. Mais adiante o guitarrista também fez citação de Manhã de Carnaval, de Luiz Bonfá e Antonio Maria, mas um dos momentos de maior comoção foi quando o baixista, vestindo uma camiseta verde e amarela, da seleção brasileira de futebol, solou Romaria , de Renato Teixeira, sucesso na voz de Elis Regina.A multidão o acompanhou em coro no refrão: "Sou caipira/ Pirapora/ Nossa Senhora de Aparecida/ Ilumina a mina escura e funda/ O trem da minha vida..."Mesclando rock, jazz e ritmos afro-latinos, Santana provou mais uma vez que é muito melhor ao vivo do que tem mostrado em seus CDs mais recentes. Sem a presença dos convidados que os fizeram parecer coadjuvante de luxo dos próprios disco, o guitarrista, com seu estilo inconfundível e único, e seus fenomenais companheiros de banda atuaram em grande forma, e fizeram o público dançar muito, transformando a arena num grande salão de baile. Este texto foi atualizado às 23h57 de sexta-feira

Agencia Estado,

17 de março de 2006 | 22h58

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.