Sandy, de cantora a atriz global

Sandy está quase tão zen quanto a Cristal, sua personagem na próxima novela das seis da Globo, Estrela-Guia, que estréia no próximo dia 12. Sorridente, falando calma e pausadamente, ela procurou não deixar nenhuma pergunta sem resposta durante o bombardeio dos repórteres, na festa de lançamento da novela, hoje, em um sítio em Jacarepaguá, no Rio.Sandy só mudou o tom quando quis enfatizar que não requisitou nenhuma dublê para gravar em seu lugar em Pirenópolis (GO), como foi publicado em algumas revistas. "Eles não tinham nada para falar de mim e inventaram isso. Quando cheguei a Pirenópolis, o pessoal da Globo disse que eu teria uma dublê, se quisesse. Só que tenho a intenção de fazer todas as cenas. Gravei até com uma onça. E como poderia aparecer uma dublê, por exemplo, beijando o Tony (Guilherme Fontes)? Fiz todas as marcações de luz, de câmera, os ensaios... Estou completamente envolvida e dedicada à personagem."Quanto aos boatos de que teria suscitado ciúmes no elenco o fato de a cantora chegar de jatinho às gravações e ter mordomias especiais, Sandy se apressou em negar. "Fiquei muito chateada quando soube que falaram isso. Os atores ficaram mais revoltados do que eu com essas mentiras. Ficamos superamigos, andávamos em turminha, brincávamos no karaokê da pousada... Eu não tinha regalia nenhuma: comia no mesmo refeitório que todo mundo. Só que eu tenho um contrato com uma empresa de jatinhos e preciso usá-los."Assunto esclarecido, foi o momento de Sandy "viajar" em cima do perfil da personagem. "Ela está mexendo muito comigo. Sempre que olho para as estrelas penso em saúde e felicidade, como a Cristal. Eu já era um pouco ligada nessas coisas de misticismo, mas agora..." Mas toda essa paixão pela protagonista de Estrela-Guia tem data marcada para acabar. "Meu contrato termina no fim de maio e a novela não será estendida." Até porque a moça quer realizar outro sonho ainda este ano, lançar a carreira internacional da dupla Sandy & Junior. "Vamos começar os shows no próximo semestre e já estamos escolhendo o repertório para os dois CDs, em português e em inglês, que saem no início de 2002", adianta. E os discos vêm com uma surpresa, uma composição de Sandy, Na Boa e Sem Chorar.A cantora e agora atriz se mostra encantada com a reprodução da comunidade alternativa feita no Projac e sem a menor preocupação em parecer uma adolescente típica deslumbrada com o padrão global. "Aqui é tudo de verdade! Vê só! As casas, os chazinhos do Purunam (Nelson Xavier, que interpreta um mestre espiritual), os cristais... É muito legal de se ver." E conta um sonho: "Eu queria muito ser atriz. Não fiz planos de trabalhar em novelas, mas surgiu a Cristal e me apaixonei. Sei que vou estar sujeita a críticas, mas enfrentarei isso. Se eu consegui chegar até aqui, vou tentar melhorar cada vez mais. Volto a gravar o programa Sandy&Júnior agora, os shows recomeçam no fim deste mês e faço a novela três dias por semana. Adoraria conciliar a carreira de atriz com a de cantora. Se não der, continuo cantando."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.