Greg Allen / Invision / AP
Greg Allen / Invision / AP

Rolling Stones adiam turnê nos Estados Unidos devido à pandemia de coronavírus

A promotora de shows AEG aconselhou a quem comprou ingressos que aguarde à espera de mais informações

Mesfin Fekadu, Associated Press

17 de março de 2020 | 18h10

 

NOVA YORK - Os Rolling Stones adiaram a turnê por 15 cidades dos Estados Unidos devido à pandemia de coronavírus

A banda anunciou nesta terça-feira, 17, a reprogramação da turnê No Filter, que originalmente ia começar em San Diego no dia 8 de maio. A programação incluía cidades em que o grupo não tocava há anos: Cleveland; St. Louis; Austin, no Texas; Louisville, em Kentucky; Charlotte, na Carolina do Norte; e Tampa, na Flórida.



"Estamos imensamente decepcionados em ter que adiar a turnê. Sentimos por todos os fãs que estavam esperando por isso com tanto desejo como nós, mas a saúde e a segurança de todos deve ser prioridade. Superaremos isso tudo juntos e nos veremos em breve", disseram os Stones em um comunicado.

A promotora de shows AEG aconselhou a quem comprou ingressos que aguarde à espera de mais informações.

A turnê norte-americana dos Stones já havia sido adiada no ano passado, depois de Mick Jagger foi submetido a uma cirurgia cardíaca, mas a banda reprogramou as datas e voltou ao palco triunfante com um show em Chicago. Em outro de seus shows reprogramados, foi anunciado que a NASA havia dado o nome da banda a uma pequena pedra rolante descoberta na superfície de Marte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.