AP/ Ron Schwane
AP/ Ron Schwane

Rolling Stone Ronnie Wood é preso por agredir namorada

Guitarrista de uma das bandas de rock mais famosas do planeta foi preso na quarta e solto hoje, sob fiança

AP,

03 de dezembro de 2009 | 16h02

Ronnie Wood, dos los Rolling Stones, foi solto após pagar fiança nesta quinta, 3, por suposta agressão à sua namorada, no sul da Inglaterra, conforme divulgaram a polícia e um porta-voz do músico.

 

A polícia de Surrey disse que prendeu um homem de 62 anos no povoado de Esher na noite de quarta-feira, por suposta agressão em um incidente doméstico na rua Claygate High, ao sul de Londres.

 

Segundo informações da polícia, o guitarrista dos Rolling Stones, uma das mais importantes e famosas bandas de rock do planeta, foi solto na quinta, após pagar uma fiança e que enfrentará novos interrogatórios em janeiro. Eles não divulgaram detalhes do incidente.

 

"Posso confirmar que houve um incidente e que Ronnie Wood foi preso", disse David Rigg, porta-voz de Wood. "Depóis, saiu em liberdade após pagar fiança".

 

A vida privada de Wood tem sido um torvelinho há mais de um ano, desde que começou a sair com a jovem russa Ekaterina Ivanova, de 20 anos. No mês passado, a modelo Jo Wood, que foi sua esposa por 24 anos pediu o divórcio alegando adultério. Eles têm dois filhos.

 

Além de guitarrista incondicional dos Rolling Stones, Wood despontou recentemente também como artista, vendendo suas pinturas em várias galerias. Seus problemas sentimentais tem sido alvo preferido dos tabloides britânicos, que com frequência publicam fotos do roqueiro e sua jovem namorada russa.

 

 

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Rolling StoneRonnie Wood

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.