Roberto Carlos pode gravar "Acústico MTV"

Roberto Carlos quer reinar em outros impérios. Os empresários do cantor, cujo contrato de exclusividade com a Rede Globo vigora há mais de 20 anos, procuraram há um mês os diretores da MTV para oferecer o nome dele ao projeto Acústico MTV. Além da gravação de um show especialmente produzido para a tevê, a ser realizado em um teatro, o especial da emissora paulista inclui um disco e um DVD.Segundo a assessoria de imprensa do Rei, a intenção de participar do projeto nasceu há cerca de quatro anos. Alguns artistas contemporâneos dele, como Gal Costa e Gilberto Gil, acabaram fazendo uma retrospectiva da carreira e produzindo ótimos álbuns ao gravarem o programa.A Rede Globo ainda não se manifestou sobre o desejo de Roberto Carlos. O departamento de Comunicação da emissora diz desconhecer o assunto. A intenção da MTV é gravar e exibir a atração ainda este ano, mas as negociações com o cantor estão apenas no começo.A emissora produz um especial do gênero a cada semestre. Na última quinta-feira, foi registrado o da cantora Cássia Eller, com previsão de lançamento em 4 de maio. Outro nome na lista de intenções do projeto é o grupo de hard rock Sepultura. O namoro entre a MTV e a banda é antigo e só não foi consumado ainda porque os músicos precisariam de um bom tempo para adaptar sua sonoridade ao formato acústico, que se caracteriza pela economia no uso de guitarras e de outros instrumentos elétricos. O Sepultura é um dos nomes sugeridos com mais freqüência pelos telespectadores. O cast variado do Acústico MTV mostra que a emissora impõe ao projeto uma linha musical sem preconceitos de gêneros e estilos. O programa já foi gravado até por pagodeiros, como o grupo Art Popular, no ano passado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.