Roberto Carlos invade a OCA com '50 anos de música'

Megaexposição será inaugurada no próximo dia 5, nos moldes da história mostra sobre a Bossa Nova

estadao.com.br,

24 Fevereiro 2010 | 20h49

Mostra sobre o 'Rei' ficará aberta em 8 de março, em homenagem à mulher. Foto: Tasso Marcelo/AE

 

SÃO PAULO - Toda a carreira do 'rei' Roberto Carlos será retratada nos três andares mais o subsolo da OCA, tal qual a histórica mostra sobre a Bossa Nova realizada no mesmo local, também com a curadoria de Marcello Dantas. A megaexposição "Roberto Carlos - 50 Anos de Música" será inaugurada na sexta-feira, dia 5 de março, às 19 horas e vai até 9 de maio. A OCA fecha às segundas-feiras, mas em 8 de março haverá uma exceção, no Dia Internacional da Mulher.

 

A ideia partiu do próprio cantor em 2002 e faz parte das inúmeras programações elaboradas para a comemoração do cinquentenário de sua carreira musical, que a exposição vai registrar desde o primeiro contrato assinado profissionalmente por Roberto Carlos, em 1959.

 

Em comunicado distribuído à imprensa, Marcello Dantas, diz que pretende realçar o impacto da obra de Roberto Carlos. "Como ele mais do que qualquer outro fez a trilha sonora de nossas vidas desde a infância. Como sua música marcou a voz, a lágrima, a saudade e o amor de tantas pessoas durante tanto tempo. Essa é a arte maior de Roberto Carlos, essa é a sua legítima majestade", escreveu.

 

A mostra será dividida por temas como a Jovem Guarda (com exibição de um documentário inédito de Carlos Nader); as lembranças de Cachoeiro do Itapemirim; o amigo e parceiro Erasmo Carlos; o gosto pelos carros e caminhões com exemplares da coleção do 'rei'; duetos com grandes artistas e amigos como Tom Jobim, Caetano Veloso, Maria Bethânia, Hebe Camargo, Luciano Pavarotti e outros; o gosto pela aventura com cenas dos três filmes que protagonizou "Roberto Carlos em Ritmo de Aventura, Roberto Carlos e o Diamante Cor-de-rosa e Roberto Carlos a 300km por Hora; a discografia completa; a fé constante em sua obra; o estúdio de gravação; contribuições dos internautas; karaokê para participação do público; flores num jardim em homenagem aos fãs com 2100 rosas doadas pela Holambra; um calhambeque na estrada de Santos que servirá de moldura para fotos; vídeos, depoimentos e simulações digitais sobre temas caros ao 'rei', como o amor pela natureza, preservação ambiental etc, além de centenas de fotos e imagens de Roberto Carlos.

 

A coordenação geral é de Dody Sirena, Léa Penteado e Marcello Dantas, e o patrocínio da Nestlé e do Itaú Brasil.

 

"Roberto Carlos - 50 Anos de Música" - OCA (Pavilhão Lucas Nogueira Garcez - Av. Pedro Álvares Cabral, S/N - Portão 03 - Parque Ibirapuera), até 9 de maio, com visitação de terça-feira a domingo, das 10h às 21h.

Mais conteúdo sobre:
Roberto Carlos

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.