Friso Gentsch/EFE
Friso Gentsch/EFE

Robbie Williams se oferece para representar a Rússia no Eurovisión

A declaração do cantor britânico, em tom de piada, não agradou Iosif Kobzón, deputado conhecido por ser cantor e defensor de Putin, que chamou de 'idiota' a sua oferta

AFP

22 Março 2017 | 09h58

O cantor britânico Robbie Williams, 43, se ofereceu de brincadeira para representar a Rússia no Festival da Canção Eurovisión, em entrevista divulgada nessa segunda-feira, 20, na TV russa.

"Gostaria de representar a Rússia no Eurovisión. Anime-se Rússia, podemos ganhar", declarou ele em entrevista ao canal Channel One.

A declaração em tom de piada não agradou Iosif Kobzón, deputado conhecido por ser cantor e defensor de Putin, que chamou de "idiota" a oferta de Williams.

"Não precisamos que os britânicos defendam a nossa cultura", disse em declarações à agência RIA Novosi, argumentando que a Rússia "possui seus próprios cantores".

A participação da Rússia no concurso, previsto para ocorrer no mês de maio em Kiev, capital da Ucrânia, ainda não é confirmada por causa do conflito existente entre os dois países.

A Ucrânia ameaça vetar a participação de Yulia Samóilova, representante russa, por ela ter feito um show na Crimeia, península ucraniana anexada à Rússia.

Samóilova, de 27 anos e cadeirante, foi eleita como representante por voto público em um concurso da Channel One.

Em 2014, a cantora apresentou-se na cerimônia dos Jogos Paralímpicos da cidade russa de Sochi.

Mais conteúdo sobre:
Robbie Williams Rússia Williams Ucrânia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.