Robbie Williams deixa centro de reabilitação nos EUA

Robbie Williams deixou um centro de reabilitação nos Estados Unidos, informou sua porta-voz nesta quarta-feira, 7, mas negou-se a comentar versões segundo as quais ele teria saído antes de completar o tratamento previsto.Williams está passando por tratamento de reabilitação por dependência de medicamentos desde 13 de fevereiro, o dia em que comemorou seu 33.º aniversário, mas se encontra agora em Los Angeles, onde possui uma casa.O tablóide britânico The Sun anunciou que Williams deixou o centro Cottonwood de Tucson, no Arizona - descrito como a clínica de reabilitação mais intransigente dos Estados Unidos - uma semana antes do término previsto de seu tratamento, que seria de um mês.Na clínica, os pacientes dividem quartos com duas outras pessoas e passam por sessões intensivas de terapia individual e de grupo. A diária da clínica custa US$ 1.353 dólares, segundo o The Sun.Em comunicado à imprensa, a porta-voz do cantor disse que "Robbie Williams completou sua estadia no Arizona e está continuando com um programa pós-tratamento em Los Angeles."CarreiraUm dos artistas de maior sucesso da Europa, Robbie Williams ganhou fama como integrante da boyband de sucesso Take That, antes de criar uma carreira solo de sucesso na década passada.Nascido na Grã-Bretanha, ele tem um histórico de dependências e foi tratado por dependência de drogas e álcool depois o Take That se desfazer, em 1995.Seu último álbum, Rudebox, recebeu críticas mistas no Reino Unido e vendeu um pouco menos de 1 milhão de cópias nos Estados Unidos.A Take That se refez sem ele e no fim de semana teve um single que foi sucesso número um nas paradas britânicas, sendo que seu álbum ocupa o segundo lugar nas paradas.O The Sun disse que Robbie Williams está sendo cuidado por sua mãe, Jan, que é orientadora especializada em tratar de dependentes de drogas e álcool.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.