Ritchie recusa R$ 73 mi oferecidos por Madonna pelo divórcio

Segundo biógrafo da cantora, ex-casal está atualmente em conflito 'e só se falam através dos advogados'

Efe,

28 de outubro de 2008 | 16h01

Guy Ritchie rejeitou uma oferta de 20 milhões de libras (US$ 32 milhões ou R$ 73 milhões) oferecida pela cantora Madonna pelo divórcio, segundo o biógrafo da artista, J. Randy Taraborrelli. O escritor disse à revista Hello! que o casal está atualmente em conflito, "até o ponto de que só se falam através dos advogados".   Veja também: Gwyneth Paltrow ajuda Madonna a superar separação 'Guy Ritchie disse que eu pareço uma vovó', afirma Madonna Especial: A controversa Madonna    Taraborrelli disse à revista que um amigo de Ritchie tinha lhe expressado o temor de que a separação do casal pudesse se tornar muito "desagradável". Segundo o jornal Evening Standard, as equipes legais dos dois estão em busca de testemunhos de seus colaboradores e funcionários.   Madonna contratou como advogada Fiona Shackleton, que representou Paul McCartney em seu divórcio de Heather Mills, enquanto Ritchie conta com os serviços de Helen Ward, uma advogada que conseguiu uma soma recorde para uma de seus clientes divorciada de um multimilionário do setor de seguros.   Taraborrelli disse também que os dois têm muito poucos amigos em comum. "Madonna não gostava muito dos amigos de Guy. Ela os achava pouco interessantes e aborrecidos (...). Por sua vez, Guy sempre teve a impressão de que muitos dos amigos de Madonna tinham uma conversa forçada e pretensiosa".

Tudo o que sabemos sobre:
MadonnaGuy Ritchiedivórcio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.