Chris Pizzello|Invision|AP
Chris Pizzello|Invision|AP

Remédios mal identificados são apreendidos na casa de Prince

Uma das possibilidades seria que o músico teria tomado medicamentos acidentalmente, porque não estavam devidamente rotulados

Reuters, O Estado de S. Paulo

22 de agosto de 2016 | 19h07

Remédios rotulados de forma errada foram recolhidos da casa de Prince após sua morte devido à overdose do poderoso opióide fentanil, de acordo com notícias divulgadas nesta segunda-feira.

Prince morreu em 21 de abril, em sua casa e estúdio próximo a Minneapolis. Investigadores estão tentando estabelecer como ele ingeriu fentanil. Uma das possibilidades seria que ele pode ter tomado a droga acidentalmente, porque não estava devidamente rotulada.

Pílulas contendo fentanil foram apreendidas em sua casa, mas estavam rotuladas como hidrocodona, disse o Star Tribune, citando uma fonte anônima. A fonte também disse ao jornal que Prince não tinha uma receita médica para o fentanil.

Dentre os medicamentos encontrados em um camarim e malas e bolsas, estava uma garrafa de Aleve que continha remédios rotulados como "Watson 385", que são usados em pílulas de hidrocodona-paracetamol. Mas pelo menos uma dessas pílulas continha fentanil, informou a Associated Press, também citando uma fonte anônima com conhecimento da investigação.

Uma porta-voz do escritório do legista que investigou a morte de Prince não confirmou nem negou as reportagens.

Tudo o que sabemos sobre:
PrinceAssociated Press

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.