Kym Thomson/Divulgação
Kym Thomson/Divulgação

Regente da Osesp busca 'novos Beethovens'

Marin Alsop falou sobre os objetivos para os próximos cinco anos como titular à frente da orquestra

João Marcos Coelho - ESPECIAL PARA O ESTADO,

23 de abril de 2012 | 12h01

“Nossa maior responsabilidade é conectar a música clássica com o público.” Com essa profissão de fé, a nova regente titular da Osesp, Marin Alsop, mostrou ter objetivos definidos para os próximos cinco anos à frente da orquestra. Ela falou sobre eles na quinta-feira, em seu primeiro encontro com o público na Sala São Paulo, dentro do projeto Música na Cabeça da Osesp em parceria com o Estado.

Ainda não os colocou em prática, mas relacionou-os no decorrer das respostas: é necessário mudar o modo como apresentamos a música ao público; a orquestra precisa atuar na comunidade; e, por último, mas não menos importante, quer descobrir por aqui “os novos Beethovens”, dar espaço à música contemporânea. Em termos de gravações, além da integral das sinfonias de Prokofiev pela Naxos, Marin quer gravar música brasileira e para crianças, com direito a “aplicativos no iPad”, por exemplo.

Em Baltimore, Marin costuma falar ao público sobre o programa da noite, antes de cada concerto. Quer repetir isso aqui, além dos projetos de sucesso como o Orchkids, com crianças, e Rusty Musicians, ou músicos enferrujados, que convocam músicos amadores da comunidade para tocar com os músicos da orquestra. “Afinal, vivemos numa sociedade em que as pessoas querem participar”, disse.

Mas o item mais fundamental de sua agenda é básico: “Ensaiar, ensaiar, trabalhar duro - isto é o mais importante”. Também quer conhecer a música brasileira. “Jamais ouvi falar deles”, disse a respeito dos brasileiros que regeu quinta. “Mas gostei muito do virtuosismo orquestral de Camargo Guarnieri e dos elementos rítmicos brasileiros de Francisco Mignone.”

Anunciou-se também que a Osesp tocará no famoso festival de verão londrino PROMs e no Concertgebouw de Amsterdã em microturnê europeia de quatro dias em agosto, com Antonio Meneses e Nelson Freire a tiracolo.

Tudo o que sabemos sobre:
OsespMarin Alsop

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.