Raul de Souza volta ao Brasil depois de quatro anos

Longe dos palcos brasileiros há quatro anos, o festejado trombonista Raul de Souza apresenta-se hoje à noite em São Paulo, no Supremo Musical. É uma rara oportunidade de conhecer o elogiado trabalho do instrumentista carioca, que atualmente mora em Paris.A inventividade e o talento de Raul, que incorpora em seu repertório o samba, a bossa, o jazz e o funk, são conhecidas da crítica e da cena musical há tempos. Com mais de 45 anos de carreira, ele já tocou com Sérgio Mendes, Freddie Hubbard, Flora Purim, Milton Nascimento, Sarah Vaughan, Stanley Clarke e Ron Carter. Em 1979, apareceu entre os cinco melhores trombonistas do mundo na bíblia dos jazzófilos, a Down Beat.Além do trombone, Raul passeia com desenvoltura pela tuba, saxofone e flauta. À galeria de instrumentos de sopro, ele mesmo decidiu adicionar mais um e criou o "souzabone", uma variação do trombone com quatro válvulas, ao invés das três habituais, e afinado em dó. É o instrumento que vem utilizando desde seu álbum Dont´t Ask My Neighbors, de 1978.Raul de Souza - Supremo. Rua Oscar Freire, 1000, às 22h, tel.: 3062-0950. Ingressos R$ 20.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.