Purdie, mito da música negra, toca em SP

Toca nesta terça-feira em São Paulo, no Bourbon Street, às 22 horas, uma figura mítica do mundo damúsica negra americana, o baterista Bernard Purdie, de 63 anos.Ele próprio se apresenta como "o mais gravado baterista domundo", tendo colocado suas batidas em cerca de 3 mil discos.Mas os superlativos se acumulam. Purdie tocou e gravou com a nata da música negra, doshistóricos Aretha Franklin (Live at Fillmore West, Atlantic,1971, e Young Gifted and Black, de 1969) e James Brown aosarautos do acid jazz, como Guru e seu Jazz Matazz. Seu toqueestá nos discos Guess Who e Completelly Well, de B.B.King. Mas Purdie não flertou só com o R&B, o soul, o funk e oblues. Tem longa folha corrida de serviços prestados também aojazz. Nos anos 80, integrou o grupo do saxofonista Hank Crawford(sidemen de Ray Charles), gravando os discos Midnight Ramble, Indigo Blue, Mr. Chips e Groove Master, entreoutros. Entre os anos de 1970 e 1974, Purdie esteve tocando comMiles Davis, com quem gravou o histórico Get up with It(Columbia). Nesse período de quatro anos, Miles Davis estavainteressando, segundo contou em sua autobiografia, em unirmúsicas aparentemente inconciliáveis, como o afro-funktecnologizado de Sly Stone e as experiências radicais deStockhausen. Convocou para isso uma tropa de choque: HerbieHancock, John McLaughlin, Sonny Fortune, David Liebman, BillyCobham, Purdie e o brasileiro Airto Moreira. Nascido em 11 de junho de 1939 em Elkton, Maryland, o11.º filho de uma família de 15 irmãos, ele começou a tocar aos6 anos em baterias artesanais. Aos 14, ganhou uma bateria deverdade e nunca mais parou de tocar, e com muita gente: JamesBrown, Lonnie Youngblood, Miles Davis, Paul Butterfield, CatStevens, Steely Dan, Isaac Hayes, Donny Hathaway, B.B. King, LouDonaldson, Joe Cocker, Hank Crawford, entre outros. O show desta terça, claro, não tem só Purdie, mas ogrupo intitulado Masters of Groove, tendo como anfitrião osaxofonista brasileiro Léo Gandelman.Serviço Masters of Groove. Terça, às 22h30. R$ 35,00 (couv. art.).Bourbon Street Music Club. Rua dos Chanés, 127, tel. (11)5561-1643.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.