Projeto apresenta nova safra da música mineira

Começa hoje o projeto Telemig Celular Som Clube, que vai levar à Praça da Savassi toda sexta-feira um novo talento da música mineira. Durante quatro meses, de junho a setembro, 16 grupos se apresentam, mostrando ritmos como jazz, pop, rock, MPB, blues e afro. Chico Amaral e os Perseguidores é a primeira atração do projeto, no palco hoje a partir das 18h30.Por sua amplidão, o projeto oferece um panorama do trabalho desses jovens músicos mineiros que fazem parte da "terceira onda", expressão criada pelo músico Chico Amaral para definir uma nova safra de músicos pós-Clube da Esquina e pós-Skank. Para Maria Alice Martins, produtora executiva do evento, "não se pode negar que existe um novo movimento nascendo na música mineira". São jovens influenciados pelo Clube da Esquina, pelo jazz de vanguarda de músicos como Juarez Moreira, Nivaldo Ornellas, pela música experimental do Uakti e do Grivo, pela Escola de Música da UFMG (celeiro de talentos como o grupo Ópera Studium) e pelo High Tech de DJ´s como Anderson Noise. Integram esse novo clube da música mineira Chico Amaral e os Perseguidores, Marina Machado, Minasax, Patrícia Ahmaral, Daniel D´Olivier, Vander Lee, Outros Caras Legais, Alda Resende, Trio Usina, Júlia Ribas, Lizards Trio, Tambolelê, Copo da Lagoinha, Zoom Bee Doo, Ozdeblue e ContinenTrio.Telemig Celular Som Clube - Praça da Savassi, todas as sextas-feiras dos meses de junho, julho, agosto e setembro, a partir das 18h30. Entrada grátis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.