Produtor de discos Sam Phillips morre aos 80 anos

O lendário produtor de discos Sam Phillips, que descobriu Elvis Presley e apresentou o rock ´n´ roll ao mundo, morreu nesta quarta-feira, aos 80 anos, no hospital Saint Francis, na cidade de Memphis, nos Estados Unidos. Ele sofreu um parada respiratória no hospital St. Francis, segundo seu filho Knox Phillips.Em 1952, Sam Phillips abriu a gravadora Sun Records, em Memphis, no Tennessee, e lançou artistas como Elvis Presley, Johnny Cash, Jerry Lee Lewis, Carl Perkins e Roy Orbison. Antes do sucesso de Elvis, a Sun trabalhou com artistas negros como B.B. King e Rufus Thomas.Em 1954, a Sun Records lançou o primeiro disco de Elvis, que contava, entre outras, com as canções That´s All Right, Mama e Blue Moon of Kentucky. Phillips vendeu o contrato de Elvis para a gravadora RCA, em 1956, por módicos US$ 35 mil.Samuel Cornelius Phillips nasceu em Florence, no Alabama. Iniciou sua carreira como locutor em rádios do Alabama, Tennessee e Nashiville. Antes de fundar a Sun Records, ele trabalhou como caça-talentos para gravadoras como a Chess e Modern.Phillips deixou a indústria do disco em 1962 e vendeu sua gravadora para o produtor Shelby Singleton, de Nashiville, em 1969. Até hoje, em Memphis, o estúdio da Sun Records é visitado por milhares de turistas todos os anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.