Produção do RBD garante: haverá show em SP e no Rio

Os fãs da banda RBD podem respirar aliviados, pois as apresentações de São Paulo e Rio de Janeiro estão garantidas. Ao menos é o que afirmou a Mondo, produtora responsável pela vinda do grupo ao País, na tarde de ontem.O Escritório Central de Arrecadação e Distribuição de Direitos Autorais (ECAD) havia dito que os shows restantes dos mexicanos poderiam ser cancelados, já que os produtores brasileiros não pagaram os direitos autorais referentes às músicas que o Rebelde executa na turnê RBD Tour Brasil.De acordo com Cristiane Fernandes, assessora de imprensa da Mondo, a produtora está em negociação com o ECAD e, por isso, não há motivos para alarde. Cálculos do ECAD deram conta de que apenas pelo show do Rio, deveriam ser pagos R$164,5 mil (o que corresponderia a 10% da receita estimada do evento, conforme a lei 9610/98). Ela frisou que a produtora não nega a despesa, mas que o valor precisa ser negociado entre as partes.Até a tarde de quarta-feira, o ECAD ainda não havia recebido os pagamentos em nenhuma das capitais em que o RBD se apresentou. Mas Cristiane frisou que o problema também será resolvido.Se mais nenhum susto atrapalhar a turnê de Rebelde pelo Brasil, os paulistas conferem as performances do sexteto no sábado, no Estádio do Morumbi. O Rio, por sua vez, recebe a turma do RBD no Maracanã, no domingo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.