Prêmio TIM presta hoje tributo a Jair Rodrigues

O cantor Jair Rodrigues era só felicidade, semana passada, nos ensaios do 4.º Prêmio TIM de Música, que será entregue nesta terça-feira no Teatro Municipal do Rio. Ele é o homenageado deste ano e vai cantar com os filhos, Jairzinho e Luciana Menezes, sozinho e, graças à tecnologia, fará dueto com Elis Regina em Upa, Neguinho. Além disso, Lulu Santos fez uma versão para Deixa isso pra lá, e cantoras de várias gerações, de Dona Ivone Lara a Roberta Sá e Nilze Carvalho, vão cantar seus sucessos. Alcione, Rapipn´Hood e Chitãozinho e Xororó também estão no roteiro e o maestro Rildo Hora trabalha há meses nos arranjos."É a primeira vez que homenageamos um cantor. Nas outras edições foram sempre compositores (Ary Barroso, Lulu Santos e Baden Powell). Jair Rodrigues foi escolhido por seus mais de 40 anos dedicados à música brasileira de todos os gêneros, do samba ao sertanejo", justifica o criador do prêmio e diretor da festa, José Maurício Machline. "Além disso, é muito alto-astral. Se fosse para defini-lo em uma palavra, eu diria que seu nome é alegria."Quanto às 35 categorias do prêmio, críticos e músicos que formam o júri concordaram com o público e dois cantores populares, Maria Bethânia e Zeca Pagodinho, são campeões de indicações, quatro cada um. Ele com o CD À Vera, de músicas inéditas, e ela com o CD Que Falta Você me Faz, com músicas de Vinícius de Moraes, e o DVD Tempo Tempo Tempo Tempo, que comemorou seus 40 anos de carreira. Foram 700 CDs e 104 DVDs inscritos. Desses saíram três finalistas para cada categoria. O melhores serão conhecidos na noite desta terça-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.