Popkomm começa hoje e Brasil é tema

O Brasil é o país tema da Popkomm 2006, que ocorre a partir desta segunda-feira até sexta-feira, em Berlim, na Alemanha. É a primeira vez que uma nação não européia é convidada para ser tema da 18.ª edição da feira mundial da música. Entre os convidados estão Yamandú Costa, Naná Vasconcelos, Fabiana Cozza, Wado e Mawaca.Sob o slogan "Música do Brasil", mais de 40 empresas fonográficas brasileiras e mais de 100 artistas de 15 estados do País estarão presentes na Popkomm.O Brasil apresentará na feira "sua diversidade musical", como explicou Erlon José Paschoal, coordenador do projeto "Copa da Cultura" do Ministério da Cultura. Ele acredita que o país poderá conseguir com a música o que não alcançou com o futebol: ser campeão mundial na Alemanha."Para o Brasil, estar na Popkomm tem uma importância estratégica, já que para nós a música é uma das áreas culturais mais importantes, pois produzimos muito e com qualidade", explicou Paschoal. "Através da música, podemos abrir portas no mundo para mostrar nossos produtos culturais", acrescentou o coordenador da "Copa da Cultura".Paschoal assegurou que a música brasileira tem potencial para desenvolvimento econômico. "Ela é nossa grande criação", afirmou. Segundo ele, o fato de ter um músico como Gilberto Gil no ministério da Cultura também ajuda a promoção da música brasileira no exterior, já que é "um grande artista e tem visões de futuro que poucos administradores têm".

Agencia Estado,

19 de setembro de 2006 | 17h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.