Polícia vasculha computadores de Michael Jackson

Os investigadores que atuaram no cerco ao rancho Nevermind, de Michael Jackson, apreenderam mais de doze computadores, filmadoras, fitas de vídeo e documentos diversos. Os objetos foram levados em 18 de novembro, mas a relação só foi conhecida ontem. A lista traz, porém, poucos detalhes, e não indica se há ou não evidências. Nos documentos que chegaram à Corte, registrou-se que alguns dos itens foram apreendidos em armários e dependências trancados a chave. Michael Jackson responde a nove acusações de abuso infantil, sete por atos lascivos e duas por embebedar a vítima menor de 14 anos. Está solto sob fiança de US$ 3 milhões e, na primeira audiência judicial do processo, negou todas as acusações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.