Mario Anzuoni/ Reuters
Mario Anzuoni/ Reuters

Plácido Domingo é internado por complicações do coronavírus

Tenor Plácido Domingo confirmou no dia 19 que tinha testado positivo para o novo coronavírus

Redação, O Estado de S. Paulo

30 de março de 2020 | 08h35

O tenor espanhol Plácido Domingo foi internado em um hospital em Acapulco, no México, devido a complicações causadas pelo novo coronavírus.

O astro de 79 anos havia anunciado que testara positivo para a Covid-19 em 19 de março, relatando sintomas como febre e tosse.

Em declaração à CNN, o porta-voz de Placido Domingo disse que o tenor está "bem e reagindo ao tratamento".

Plácido Domingo era diretor-geral da Ópera de Los Angeles até o ano passado, quando renunciou em meio a acusações de assédio sexual

O tenor tem casa no México, onde as medidas para evitar a disseminação do coronavírus se endureceram na sexta-feira, 27, quando o presidente Andrés Manuel López Obrador pediu para que as pessoas ficassem em casa para evitar uma “avassaladora” disseminação do coronavírus.

Antes, ele havia dado declarações que minimizavam a pandemia. “Se não ficarmos dentro de casa, o número de infecções pode disparar, e isso saturaria nossos hospitais”, disse. “Seria avassalador.” No país, que já confirmou 20 mortes em decorrência do coronavírus, há quase mil pessoas infectadas com o covid-19./ COM ANSA

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.