Pixies renascem em pedreira do Paraná

Muitos paulistas já estão de malas prontas para enfrentar a "rodovia da morte", a BR-116, neste fim de semana. Especialmente para ver o renascimento do quarteto americano Pixies, principal atração do 2.º Curitiba Pop Festival, que começa hoje na Pedreira Paulo Leminski, na capital paranaense. Os Pixies são os últimos a tocar, no sábado, a partir da meia-noite. Hoje, o ponto alto do evento é a apresentação dos escoceses do Teenage Fanclub (à 1 hora da manhã). Antes deles, é a vez da outra atração internacional, os suecos Hell on Wheels. É a primeira vez que os Pixies, um dos mais importantes e mais cultuados grupos de rock dos anos 80/90, tocam no Brasil. O que fez com que rapidamente se esgotassem os 3 mil ingressos disponíveis para as duas noites. Ainda há (poucos) ingressos à venda. A procura foi tanta que o festival, apelidado de CPF, foi transferido do anfiteatro Ópera de Arame para a Pedreira Paulo Leminski, com capacidade para 8 mil pessoas. A apresentação em Curitiba é um desvio da turnê da volta do grupo, que rompeu em meio a brigas em 1992, depois de excursionar com a Zoo TV Tour, do U2. Pelo fato de não terem produzido nenhum material novo para a volta, os fãs podem esperar os sucessos que prometem momentos de grande comoção. Foi o que ocorreu na semana passada no Coachella Festival, realizado na região de Índio, na Califórnia. Eles tocaram canções de seus cinco álbuns, lançados entre 1987 e 1991, como Bone Machine, Monkey Gone to Heaven, Debaser e uma versão desacelerada de seu maior hit, Here Comes Your Man. Em suma, o que qualquer fã, brasileiro ou não, está a fim de ouvir. Em entrevista coletiva em Los Angeles, o vocalista Frank Black, disse que a banda ainda não tem planos de entrar em estúdio para gravar, mas já contam com pelo menos uma nova canção, ainda sem título. Há quem veja nisso mais um golpe oportunista, como os de muitos grupos que estão vivendo muito bem dos revivals. Pouco importa para quem gosta da banda. É uma oportunidade para não se perder. Em menor proporção, a volta dos contemporâneos do Teenage Fanclub - outro que toca pela primeira vez no País - também foi festejada. O grupo de indie rock paulistano Pin Ups vaisegurar os ânimos antes da apresentação dos Pixies. O elenco traz duas das melhores coisas produzidas no Nordeste nos últimos anos: a dupla alagoana Sonic Jr. (hoje às 23h15) e o septeto pernambucano Mombojó (sábado às 21h15). Outro programa que promete grande resultado é o encontro dos sensacionais gaúchos Frank Jorge, Flu e Wander Wildner (sábado, 22 horas). O festival tem ainda Grenade (Londrina), Autoramas (Rio), Pipodélica (Florianópolis) e Ludov (São Paulo). O principal objetivo do CPF é reunir expoentes do rock independente e dar visibilidade aos grupos locais. O site do festival (www.curitibapopfestival.com) tem até link para pacotes turísticos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.