Pink Floyd promete doar a ONGs sua renda no Live 8

A banda de rock Pink Floyd prometeu nesta terça-feira doar a organizações de caridade a renda de sua participação no evento Live8 em Londres, após constatar o aumento das vendas de sua coletânea de grandes sucessos."Ainda que o objetivo principal do Live 8 seja conscientizar as pessoas sobre a miséria na África e pressionar os líderes do G-8, não quero lucrar com esse show", disse o guitarrista David Gilmour. "Esse dinheiro deve ser usado para salvar vidas", acrescentou.O Pink Floyd, que até o último sábado não se apresentava com a formação completa havia 20 anos, constatou ontem que as vendas do álbum Echoes aumentaram cerca de 1.300% na capital britânica. Fenômeno semelhante aconteceu com os demais astros que participaram do evento no Hyde Park, com um aumento de 863% das vendas de Then and Now, do grupo The Who; 500% dos grandes sucessos da dupla Eurythmics; e 412% do álbum Life for Rent, da cantora Dido.O show no Hyde Park foi um dos 10 realizados em várias cidades do planeta no último sábado, com o objetivo de chamar a atenção da opinião pública para a miséria na África e pressionar os líderes do G-8, que se reúnem esta semana na Escócia, a fazer algo a respeito.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.