"Pietá" mostra uma nova revolução

Antes de mais nada: Pietá é omelhor disco de Milton Nascimento desde o segundo volume doClube da Esquina, lançado em 1978. Sem risco de opiniãoapressada, é quase tão bom quanto os dois Clube da Esquina eainda quanto os volumes gêmeos Minas e Geraes, do iníciodos anos 70. Não por coincidência, Pietá aproxima-se dostrabalhos mencionados - por uma série de motivos, da perfeitaharmonia alcançada na síntese do regional com o universal (coisaque Milton não conseguiu fazer, nos anos 80 e 90) ao frescor demodernidade obtido com a participação de intérpretes, autores einstrumentistas jovens. Os autores jovens em pauta são, alguns, descendentes deMilton, filhos musicais do Clube da Esquina que vêmtrabalhando em espaços alternativos e agora, como reconhecimentodo influenciador maior, talvez venham à luz, com suas obras jámagníficas - é o caso de Flávio Henrique, autor (em parceria comChico Amaral, mais conhecido por sua participação como letristae músico no grupo pop Skank) de Casa Aberta. Há outros: Bena Lobo, filho de Edu Lobo, KikoContinentino, e há as vozes formidáveis de cantoras que tambémestão na estrada cantando, infelizmente, para poucos: a paulista(de Santa Rosa do Viterbo) Simone Guimarães (que está terminandode gravar o quarto disco), a belo-horizontina Marina Machado(com discos-solo e outros em parceria com Flávio Henrique),Maria Rita Mariano (filha de Elis Regina, ainda sem disco,maduríssima e fazendo lembrar a mãe em Voa Bicho, de Telo eMárcio Borges). Disco de cordas dedilhadas, sanfonas e tambores,Pietá registra, da tradição do Vale do Jequitinhonha, oBeira-Mar Novo recolhido e adaptado por Frei Chico, canto que dánome ao único CD do Coral dos Cantadores do Vale, lançado pelaLapa Discos e já fora do mercado, para azar da culturabrasileira. Não é uma volta ao Clube da Esquina, mas suarecriação para os dias de hoje, propondo nova revolução, queMilton Nascimento ainda pode orientar - os nomes e as obrasestão dados, como fez nos anos 70 e mudou a MPB.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.